• Home
  • Blog
  • Descubra como garantir a privacidade e segurança no seu motel

Descubra como garantir a privacidade e segurança no seu motel

Descubra como garantir a privacidade e segurança no seu motel

Manter a privacidade e segurança é um requisito fundamental para garantir o bom funcionamento de um motel. Isso porque estamos falando de um estabelecimento que as pessoas procuram para compartilharem entre si os momentos mais íntimos possíveis. Segundo uma pesquisa do Guia de Motéis, 72% dos casais que utilizam esse serviço estão em uma relação estável, e mesmo nesse cenário preferem não se expor.

Ao encontrar um motel que garanta a sua proteção e comodidade, a tendência é que os clientes se tornem fiéis a ele. Mais do que deixar as pessoas mais confortáveis, ter os devidos cuidados com segurança também é importante para evitar exposições que abram espaço para complicações legais. Neste post, conversamos com Rômulo Simões, CEO da Microtecs, e vamos trazer as melhores dicas de como preservar a intimidade de quem frequenta o seu espaço. Confira!

Qual é a importância da privacidade e segurança em motéis?

Quando não dá a devida atenção para a segurança e privacidade dos seus clientes, o motel corre um grande risco de perdê-los para a concorrência. Em se tratando desses dois pilares, é necessário cuidar tanto da proteção relacionada ao espaço físico quanto ao uso dos dados registrados nos sistemas da empresa.

‘’Já vi motéis cujas janelas dos banheiros (das suítes) no corredor de serviço ficam posicionadas de forma nada favorável para a intimidade do casal. Isso gera desconforto ao cliente, que ao perceber qualquer barulho no corredor logo se retrai e, bem provavelmente, ele escolherá o concorrente da próxima vez’’, aponta Rômulo Simões.

Um motel que não identifica os riscos existentes no seu ambiente pode acabar expondo os consumidores dos seus serviços, colocando-os em situações constrangedoras. Na prática, isso pode acarretar escândalos que mancham a imagem do estabelecimento no mercado e, consequentemente, afastar a clientela.

Quais são as principais práticas para tornar o seu motel mais seguro?

Para manter o seu motel blindado contra riscos que possam atingir a sua estrutura física ou digital, é preciso adotar um conjunto de estratégias que o ajudem a reconhecer quais são os pontos fracos do local para que, a partir daí, você determine correções que aumentem a segurança do serviço prestado. Acompanhe as melhores práticas para implementar.

Tenha uma recepção preservada visualmente

Diferentemente de um hotel em que a recepção é compartilhada, a entrada do motel é individual. O ambiente deve ser discreto, evitando que os clientes tenham contato visual um com o outro — situação que poderia causar algum tipo de constrangimento —, além de oferecer um atendimento eficiente e rápido.

De acordo com o CEO da Microtecs, os motéis que têm a sua recepção preservada visualmente e que contam com um autoatendimento atraem um público bem seleto. Principalmente pessoas públicas que jamais poderiam se expor a esse tipo de estabelecimento, mesmo considerando que estejam com sua parceira(o) de relacionamento fixo.

Invista em autoatendimento e autoliberação

Ter que se comunicar diretamente com os atendentes do motel para registrar a sua entrada e saída ou ainda para fazer pedidos do que deseja consumir dentro da suíte são ações que podem provocar certo desconforto para as pessoas, atrapalhando o seu momento de intimidade.

Levando isso em consideração, é altamente recomendado investir em autoatendimento e autoliberação, o que consiste em equipamentos que trazem autonomia para o seu público. A partir de um QRCode dentro da suíte, por exemplo, o cliente pode fazer um pedido diretamente para a cozinha, sem ter que ligar para a recepção, tudo de uma forma simples e prática.

Defina procedimentos de emergência

Embora adote medidas de segurança, há circunstâncias que podem fugir do controle do estabelecimento, como invasões criminosas, incêndios, vazamentos químicos, entre outros tipos de acidente. Nesse sentido, o motel precisa se precaver por meio de procedimentos de emergência, que determinam como a equipe interna deve agir em situações de perigo.

Para tanto, é indicado realizar simulações práticas, como treinamentos e orientações de como os colaboradores devem agir para a própria segurança e a dos clientes. Aqui, o ideal é ter o suporte da equipe de brigada de incêndio, agentes policiais e SAMU. Tenha em mente que os funcionários de todos os setores devem estar cientes dos procedimentos a serem executados, do contrário, podem colocar o restante em risco.

Adquira equipamentos seguros

Equipamentos velhos podem acarretar uma série de problemas. Ferramentas elétricas desgastadas podem desencadear curtos-circuitos, já os sistemas eletrônicos antigos abrem brechas para invasões e vazamento de dados e fraudes, por exemplo. Assim sendo, faça uma ampla vistoria na empresa, a fim de identificar o que precisa ser substituído por modelos mais recentes.

Após fazer a troca de equipamentos, também é recomendado fazer manutenções periódicas, o que impede que problemas pequenos se transformem em consequências que geram prejuízos. Sem falar que essa conduta também ajuda a prolongar a vida útil das suas ferramentas de trabalho.

Crie uma política de privacidade

A tecnologia está cada vez mais presente na área moteleira, fato que agrega praticidade para a realização das atividades cotidianas, mas também acende uma luz de alerta para o cuidado com os dados armazenados em seus sistemas. Caso não proteja o servidor de banco de dados, as informações da empresa e dos seus clientes estão sujeitas à ação de pessoas mal-intencionadas.

Nesse contexto, crie uma política de privacidade, ou seja, um documento com as descrições de todas as práticas e medidas a serem aplicadas para preservar a privacidade e segurança do motel. Deixe claro quem são as pessoas autorizadas a manipular os seus sistemas, quando e de que forma.

Esteja em conformidade com a LGPD

A Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD) traz novas normas para o tratamento de dados pessoais, exigindo maior transparência quanto à finalidade e necessidade de coletar informações dos clientes, além de solicitar o consentimento da pessoa para o armazenamento dos seus dados.

Aqueles que não cumprirem a LGPD poderão ser penalizados com multas que podem atingir o valor de até 50 milhões de reais, além de arcar com as responsabilidades legais. Portanto, faça uma revisão dos seus processos de coleta e tratamento de dados, visando adequá-los às condições impostas pela nova lei.

Como o Sismotel ajuda na privacidade e segurança dos seus clientes?

Escolher as ferramentas adequadas para as operações realizadas no motel também é um aspecto relevante para a manutenção da privacidade e segurança do ambiente. O Sismotel, que é um software desenvolvido para as necessidades específicas do ramo moteleiro, conta com diversos recursos que abrangem a proteção do empreendimento e de seus clientes.

‘’O módulo intitulado Autoatendimento é sem dúvida o primeiro passo para um motel iniciar uma política de privacidade. Em seguida, temos o Módulo Comanda Digital QrCode que complementa esse trabalho, pois nele o cliente poderá solicitar conta, fazer pagamento e pedido diretamente pelo seu celular através de um QRCode na suíte’’, afirma Rômulo Simões.

Com isso, é possível preservar a identidade do cliente que, sem esses recursos, teria que ter um contato visual ou por áudio com os recepcionistas do motel. ‘’O módulo Autoliberação fecha esse ciclo de privacidade, pois com ele o cliente apresenta o Código de Barras (impresso ou no seu próprio celular — gerado pelo Comanda Digital QRCode) e nesse momento sua liberação é validada e o portão de saída do motel aberto’’, acrescenta o CEO da Microtecs.

Além disso, o sistema apresenta políticas de auditoria, em que o gestor pode consultar logs detalhados sobre acesso (dos usuários) aos cadastros dos seus clientes — função que o ajuda a rastrear qualquer indício de vazamento de informação e agir antecipadamente para evitar danos ao negócio.

Vale ressaltar que o Sismotel é um software desktop, que é instalado no servidor do motel. Assim, a política de segurança de dados é responsabilidade da própria empresa. Todavia, a ferramenta provê ferramentas de backup (local ou em nuvem) para a segurança das informações que são armazenadas na plataforma.

Os módulos Analytics e Fidelidade Web que funcionam totalmente na nuvem têm políticas de backups e segurança em seus próprios servidores, uma vez que os seus bancos de dados contêm informações sigilosas tanto a nível de gestão do motel quanto de dados dos clientes.

Muitos motéis focam apenas na qualidade do serviço oferecido, deixando de lado os cuidados com a privacidade e segurança do cliente e essa negligência pode sair caro para o seu bolso. Quanto mais seguro for o estabelecimento, maior será a sua credibilidade diante da clientela — fator indispensável para atraí-la e mantê-la confiante em passar momentos inesquecíveis no seu motel.

Quer implementar um sistema específico para a rotina vivenciada pelos motéis? Entre em contato com a equipe do Sismotel e conheça as nossas soluções!

Rômulo Simões

Formado em Sistemas de Informação pela Faculdade Doctum/ES. Atuou, desde 1997, no desenvolvimento de softwares para diversos segmentos. Em 1999 fundou a Microtecs Sistemas, onde atualmente dedica-se a gestão da empresa, buscando levar aos clientes os melhores produtos e serviços para o segmento moteleiro.
  • Temos parceria com o Sismotel desde 2017. Em 2019 trocamos o sistema de automação por Smart-IN G2, onde cada módulo sustenta 4 suítes. É viável pois temos economia de energia e se houver algum problema na automação ficamos apenas com 4 suítes sem controle de energia e as demais com controle total. Sem automação ficamos a mercê da ação humana e impossível de controlar o consumo de energia.

    Elisa Tereza Sartori, gerente do Motel Eros/MT

  • Sismotel tem um ponto essencial que faz toda diferença em qualquer parceria entre empresas: A comunicação com eles é algo de muita excelência, realmente excepcional.

    Railson Lacerda, supervisor dos Motéis Dallas/DF e Palace/GO

  • Ficamos tão satisfeitos que logo implantamos o Sismotel e automação em todos os 5 motéis. Hoje na palma da mão temos todo nosso controle e a Microtecs com profissionais capacitados e um suporte excelente.

    Douglas Maciel Azevedo, gerente da Rede Tropical de Motéis/RJ

  • …implantamos a automação de energia nas suítes, e evoluímos para a plataforma online através do Analytics, tenho as informações em um clique em tempo real. Acho que o Sismotel possui a mesma cultura do nosso grupo, uma empresa com espírito de mudança continua, que evolui a cada dia.

    Daniel Dantas, proprietário dos Motéis Matury e Cajueiro/BA

  • Os resultados com economia de energia giram em torno de 25 a 30% ou mais. Já em relação a segurança antifraudes, ai sim os resultados foram bem expressivos, acima dos 60%, eu Claudiomir, digo que passa dos 70%, hoje nem penso em ficar sem esta Automação e muito menos sem o sistema , fora de cogitação, os resultados realmente foram bem satisfatórios, grau de satisfação 100%.

    Claudiomar, gerente do Yes Motel/ES

  • A Microtecs com o Sismotel, é uma ferramenta indispensável para a gestão Moteleira, trazendo agilidade e economia.
    Há uma interação dos gestores com colaboradores através do sistema com informações primordiais em tempo real.

    Junior Grecco, proprietário do Motel Fly / ES

  • …atendeu todas as nossas necessidades levando um sistema inviolável e seguro além de trazer uma economia em todos os aspectos gerenciais do Motel, desenvolveu um sistema de gerenciamento de energia dentro das Suites proporcionando uma economia de mais de 30% na conta de Energia… Obrigado pela parceria e desejo que continuem com a mesma dedicação de sempre!

    Attila Miranda Barbosa, proprietário do Recanto Motel/ES

  • Meu amigo Romulo, acho que já elogiei, mas gostaria mais uma vez de elogiar vc e sua equipe, sei que é obrigação de uma boa empresa prestar um bom serviço, mais isso tenho vivenciado na MICROTECS, conseguimos ficar tranquilo com relação a nossas demandas, independente de ser demanda ou solução de problemas.

    Rodrigo Parente, proprietário do Motel UP/CE

Quero enviar um depoimento