• Home
  • Blog
  • Taxa de ocupação em motéis: 3 dicas para aumentar esse indicador

Taxa de ocupação em motéis: 3 dicas para aumentar esse indicador

Taxa de ocupação em motéis: 3 dicas para aumentar esse indicador

Para avaliar se o motel atrai clientes e gera lucros, um indicador indispensável é a taxa de ocupação. Esse é um valor em percentual (de 0 a 100) calculado pela quantidade locações, dividido pela quantidade de suítes disponíveis e multiplicado por 100. Quanto maior esse indicador, maior é a procura pelo seu motel e, com isso, um maior retorno financeiro em seu empreendimento.

Devido à sazonalidade ao longo do tempo, essa taxa pode variar bastante em um período. Para evitar ter prejuízos financeiros com essas oscilações, é importante que o administrador do motel acompanhe essa taxa e, nos períodos de baixa ocupação, tome medidas estratégicas para otimizar esse indicador.

Para evitar uma baixa ocupação, segue uma lista com 3 dicas que farão a diferença nos resultados financeiros de seu motel.

1. Entenda o perfil de seus clientes

Pesquisar informações sobre o público que frequenta o seu motel é o primeiro passo para entender o que se pode fazer para melhorar seu empreendimento. Avalie os dias e os horários de maior movimento através do Mapa de Calor, essa ferramenta – disponível no Sismotel – é essencial para iniciar um trabalho de reavaliação da taxa de ocupação.

Além do Mapa de Calor, consulte também o seu relatório de Análise de Tarifação, nele você terá uma visão macro dos períodos mais vendidos pelo seu motel. Não podemos esquecer dos serviços extras que são contratados durante a estadia no motel além da procura por variedades gastronômicas, por objetos íntimos e se o seu público se concentra na busca de uma categoria específica de suíte.

2. Faça promoções

Após entender o que seu público consome em seu estabelecimento, use essas informações para fazer promoções. Os dias de menor ocupação e as suítes com menos procura serão aqueles que deverão ser apresentados com algum desconto ou benefício especial ao cliente. Ofereça um valor menor para os dias de baixa ocupação em comparação com os dias de alta demanda.

Além disso, faça ações estratégicas: se há uma alta de casais que ficam somente período de uma, ofereça um desconto para uma segunda hora adicional. Se houver interesse do público pelas refeições que são servidas, invista no cardápio e ofereça mais variedades e, até mesmo, pratos mais elaborados.

Se perceber que uma simples tem mais procura que uma suíte de luxo, ofereça uma refeição para quem aderir ao quarto mais caro. Essas promoções vão estimular o cliente a ficar mais tempo em seu motel e, com isso, aumentará o seu retorno financeiro.

3. Invista em mais de um canal de comunicação

Com os veículos de comunicação cada vez mais ramificados, é importante não se limitar a um meio para interagir com as pessoas. Use as redes sociais para captar um público novo e garanta que elas estejam sempre atualizadas com as promoções mais recentes, para garantir o máximo de engajamento. Contudo, para capturar também o público não aderente às redes sociais, não deixe de divulgar em rádios e jornais. Essa variabilidade de comunicação aumenta as chances de atingir o seu público-alvo.

Como o cálculo da taxa de ocupação não apresenta grandes complexidades, ela pode ser incorporada sem dificuldades na tomada de decisão da empresa. Com esse indicador, será possível detectar quando e onde é necessário agir com ações estratégicas para, não somente, evitar um prejuízo financeiro, mas para potencializar os ganhos do empreendimento.

Também, é importante coletar feedbacks de clientes, principalmente críticas para entender qual a melhor forma de proporcionar uma boa experiência para eles. Saiba como lidar com as críticas de clientes insatisfeitos.

Rômulo Simões

Formado em Sistemas de Informação pela Faculdade Doctum/ES. Atuou, desde 1997, no desenvolvimento de softwares para diversos segmentos. Em 1999 fundou a Microtecs Sistemas, onde atualmente dedica-se a gestão da empresa, buscando levar aos clientes os melhores produtos e serviços para o segmento moteleiro.
  • Os resultados com economia de energia giram em torno de 25 a 30% ou mais. Já em relação a segurança antifraudes, ai sim os resultados foram bem expressivos, acima dos 60%, eu Claudiomir, digo que passa dos 70%, hoje nem penso em ficar sem esta Automação e muito menos sem o sistema , fora de cogitação, os resultados realmente foram bem satisfatórios, grau de satisfação 100%.

    Claudiomar, gerente do Yes Motel/ES

  • Temos parceria com o Sismotel desde 2017. Em 2019 trocamos o sistema de automação por Smart-IN G2, onde cada módulo sustenta 4 suítes. É viável pois temos economia de energia e se houver algum problema na automação ficamos apenas com 4 suítes sem controle de energia e as demais com controle total. Sem automação ficamos a mercê da ação humana e impossível de controlar o consumo de energia.

    Elisa Tereza Sartori, gerente do Motel Eros/MT

  • Sismotel tem um ponto essencial que faz toda diferença em qualquer parceria entre empresas: A comunicação com eles é algo de muita excelência, realmente excepcional.

    Railson Lacerda, supervisor dos Motéis Dallas/DF e Palace/GO

  • …atendeu todas as nossas necessidades levando um sistema inviolável e seguro além de trazer uma economia em todos os aspectos gerenciais do Motel, desenvolveu um sistema de gerenciamento de energia dentro das Suites proporcionando uma economia de mais de 30% na conta de Energia… Obrigado pela parceria e desejo que continuem com a mesma dedicação de sempre!

    Attila Miranda Barbosa, proprietário do Recanto Motel/ES

  • A Microtecs com o Sismotel, é uma ferramenta indispensável para a gestão Moteleira, trazendo agilidade e economia.
    Há uma interação dos gestores com colaboradores através do sistema com informações primordiais em tempo real.

    Junior Grecco, proprietário do Motel Fly / ES

  • Meu amigo Romulo, acho que já elogiei, mas gostaria mais uma vez de elogiar vc e sua equipe, sei que é obrigação de uma boa empresa prestar um bom serviço, mais isso tenho vivenciado na MICROTECS, conseguimos ficar tranquilo com relação a nossas demandas, independente de ser demanda ou solução de problemas.

    Rodrigo Parente, proprietário do Motel UP/CE

  • Ficamos tão satisfeitos que logo implantamos o Sismotel e automação em todos os 5 motéis. Hoje na palma da mão temos todo nosso controle e a Microtecs com profissionais capacitados e um suporte excelente.

    Douglas Maciel Azevedo, gerente da Rede Tropical de Motéis/RJ

  • …implantamos a automação de energia nas suítes, e evoluímos para a plataforma online através do Analytics, tenho as informações em um clique em tempo real. Acho que o Sismotel possui a mesma cultura do nosso grupo, uma empresa com espírito de mudança continua, que evolui a cada dia.

    Daniel Dantas, proprietário dos Motéis Matury e Cajueiro/BA

Quero enviar um depoimento